Pagina Inicial / Blog / Dicas do YouTube / Como enviar um vídeo para o YouTube: dicas e truques para futuros criadores de conteúdo

Como enviar um vídeo para o YouTube: dicas e truques para futuros criadores de conteúdo

Publicado em 10 de agosto de 2023

De todas as plataformas de upload de vídeo, nenhuma é tão popular quanto o YouTube. Esta potência de uma marca ganha dezenas de bilhões de dólares anualmente. Para efeito de comparação, seu maior concorrente atual, o Vimeo, ganha um pouco mais de $150 milhões por ano. Portanto, não é de se admirar que tantos criadores de conteúdo em ascensão recorram ao YouTube como fonte potencial de sustento.

Claro, crescer seu canal no YouTube não é fácil. Seus principais criadores gostam Youtuber com mais subs do mundo, Marcador, e Sr. Besta todos passaram anos antes de conseguir entrar nas grandes ligas. Além disso, os criadores de conteúdo mais bem-sucedidos passam horas pesquisando diferentes maneiras de destacar seu material. Portanto, como um novo YouTuber, você deve seguir as coisas passo a passo. E a primeira dessas etapas é bastante direta - fazer upload de um vídeo no site.

Hoje em dia, como você envia um vídeo depende da plataforma que você usa. Neste artigo, abordaremos diferentes métodos para colocar seus vídeos no YouTube, incluindo algumas das possíveis soluções de problemas que você pode ter que fazer ao longo do caminho.

O que saber antes do upload

Agora, antes mesmo de pensar em colocar um vídeo, você deve verificar algumas caixas importantes. Afinal, nem todos os vídeos serão adequados ou compatíveis com a própria plataforma. E a última coisa que você quer fazer é desistir cedo só porque aquele vídeo no qual você trabalhou duro não aparece na sua página de perfil. Com isso em mente, vamos dar uma olhada no que você precisa cuidar antes de clicar no botão Upload.

Quais arquivos de vídeo o YouTube suporta?

Faz sentido que uma plataforma de upload de vídeo suporte certos tipos de formatos de vídeo, mas não outros. Portanto, você não poderá enviar um vídeo a menos que o converta.

Felizmente, o YouTube é um site vasto que tem a capacidade de hospedar vários tipos de vídeo diferentes. Então, aqui está uma lista completa de todos os formatos que você pode esperar encontrar lá:

  • .MOV
  • .MPEG4
  • .MP4
  • .FLV
  • .AVI
  • .WMV
  • WebM
  • DNxHR
  • .MPEGPS
  • ProRes
  • CineForm
  • HEVC (h265)
  • 3GPP.

Em outras palavras, se você tentar fazer upload de algo que não esteja nesta lista, como .RM, .MKV, .OGG, .SWF ou .QT, provavelmente encontrará um erro assim que o upload for concluído.

Seguindo as Diretrizes da Comunidade

Assim como qualquer outro site de mídia social e plataforma de upload de conteúdo, o YouTube tem um conjunto de Diretrizes da comunidade para cada criador de conteúdo seguir. Essas diretrizes existem para manter os usuários protegidos de qualquer dano potencial que possa vir de vídeos enviados para a plataforma. Além disso, é um método pelo qual o YouTube mantém sua integridade como uma empresa ética que valoriza tanto os criadores quanto os assinantes/visualizadores. Se você se recusar a cumprir essas diretrizes, estará efetivamente indo contra o próprio YouTube e, portanto, não poderá enviar seu material para a plataforma.

Em 2023, as diretrizes estão divididas em várias categorias:

  • Spam e práticas enganosas
  • conteúdo sensível
  • Conteúdo violento ou perigoso
  • Bens regulamentados
  • Desinformação.

Além dessas diretrizes, claramente listadas e categorizadas para todos os usuários analisarem, o YouTube também precisa que você cumpra seus políticas de monetização. Isso é especialmente importante se você quiser ganhar dinheiro no YouTube criando conteúdo. Quase todas as plataformas de mídia social, como Instagram e TikTok, pode ser monetizado e, se você fizer isso direito, poderá ganhar a vida decentemente criando conteúdo.

Material protegido por direitos autorais

Os direitos autorais são um grande negócio entre os YouTubers, e a plataforma sabe disso. É por isso que eles têm rigoroso políticas quando se trata de usar material protegido por direitos autorais.

Como criador, você deve se esforçar para enviar material no YouTube que não viole as leis de direitos autorais de nenhum país. Isso inclui o uso de áudio, vídeo ou material escrito que seja propriedade legal de outra empresa ou indivíduo. Em outras palavras, seu vídeo ideal deve conter áudio e imagens que você criou pessoalmente e que não existem em nenhum outro lugar.

Agora, dependendo do tipo de conteúdo que você deseja criar, essa área pode ficar um pouco complicada. Uma grande seção do YouTube inclui revisores de mídia (como críticos de filmes ou videogames), canais de comentários e contas de paródia. Existem certas leis que permitem o uso de algumas seções de material protegido por direitos autorais, desde que seu conteúdo seja de natureza transformadora. Por exemplo, você não pode carregar uma cena inteira de um filme como está, mas se você editá-la o suficiente e fornecer narração ou comentários em vídeo, poderá evitar uma reivindicação de direitos autorais dos proprietários da mídia original.

Infelizmente, esse tipo específico de conteúdo não é o mais seguro de se fazer, pois existem marcas que abusam do sistema e registram informações falsas reivindicações DMCA, mesmo que o material que você possui esteja totalmente dentro do uso aceitável. Estamos em 2023 e ainda não houve uma solução adequada para o problema da falsa alegação de DMCA, e os criadores de conteúdo continuam lutando pela liberdade de expressão, o que inclui análises e críticas. Mais uma vez, o melhor que você pode fazer é seguir as diretrizes de direitos autorais ao pé da letra e esperar que seu vídeo permaneça no ar e seja monetizado adequadamente.

Carregar conteúdo usando um navegador da Web para PC

Agora que você sabe o que fazer antes do upload propriamente dito, vamos entrar em detalhes. Em primeiro lugar, vamos nos concentrar no upload de vídeos por meio de um navegador de PC. As etapas são as seguintes:

  1. Faça login na sua conta do YouTube.
  2. No canto superior direito da página principal, clique no botão Crio ícone (parece uma câmera de vídeo).
  3. Você terá duas opções, Envio vídeo e Ir ao vivo. Escolha a primeira opção.
  4. Um pop-up deve aparecer com o Arraste e solte arquivos de vídeo para fazer upload incitar. Haverá também um Selecionar vídeos botão embaixo. Você pode clicar em Selecionar vídeos e escolher o conteúdo que deseja enviar ou selecionar os vídeos no Explorador de Arquivos e arrastá-los para a tela.
  5. Aguarde o upload do(s) vídeo(s).
  6. Cada vídeo que você carregou terá um Editar opção (com um gráfico de um pequeno lápis ao lado). Clique nele para editar as seguintes informações:
    1. Título do vídeo
    2. A descrição do vídeo
    3. Miniatura do vídeo
    4. Lista de reprodução
    5. Público
    6. Restrição de idade.
  7. Durante a edição, você notará o MOSTRE MAIS incitar. Clique nele e edite mais informações:
    1. promoção paga
    2. Capítulos automáticos
    3. Lugares em destaque
    4. Tag
    5. Certificação de idioma e legenda
    6. Data e local da gravação
    7. Distribuição e licença
    8. Shorts amostragem
    9. Categoria
    10. Avaliações e comentários.
  8. Depois de editar todos os elementos, clique em Próximo.
  9. O YouTube verificará se há violação de direitos autorais em seu vídeo e, se for liberado, clique em Próximo.
  10. No Visibilidade seção, clique no Público botão radial. Dessa forma, todos poderão acessar seu vídeo.
  11. Independentemente de seu vídeo ter sido totalmente carregado ou não, depois de escolher a opção Público, clique em Publicar.
  12. Aguarde o YouTube processar o vídeo. Pode levar de alguns segundos a alguns minutos, dependendo da duração do vídeo.

Carregar conteúdo usando um dispositivo inteligente

O processo de upload é o mesmo para usuários de Android e iOS. Tudo o que você precisa é acessar o aplicativo do YouTube, que pode ser baixado na App Store ou na Play Store. No entanto, a maioria dos smartphones já possui o aplicativo pré-instalado com outros softwares relacionados ao Google.

Para carregar um vídeo usando seu smartphone ou tablet, você terá que fazer o seguinte:

  1. Abra o aplicativo do YouTube.
  2. Toque no símbolo “+” na parte inferior da tela.
  3. Você terá quatro opções: Criar um Short, Carregar um vídeo, Transmitir ao vivo, e Criar uma postagem. Escolha a segunda opção para vídeos mais longos ou a primeira para Shorts.
  4. Para usuários iniciantes, você verá um prompt perguntando se o YouTube pode acessar sua câmera e galeria de fotos. Aprova os dois.
  5. Escolha o vídeo que deseja enviar e toque em Próximo no canto inferior direito da tela.
  6. Você receberá a solicitação para adicionar todas as informações listadas na seção PC anteriormente. Adicione tudo o que seu vídeo precisa e toque novamente Próximo.
  7. Você verá uma solicitação para escolher seu público. Escolha um e toque Próximo.
  8. Aguarde o upload do vídeo e apareça na sua página principal.

Curiosamente, a versão do aplicativo do YouTube oferece imediatamente aos usuários a opção de enviar um Short. No entanto, esse processo é um pouco diferente com os uploads de PC. Se o seu vídeo já tiver menos de 60 segundos e tiver uma proporção vertical ou quadrada, ele será enviado automaticamente como um curta. Por outro lado, se tiver o mesmo comprimento, mas uma proporção horizontal, tanto o aplicativo quanto a versão do navegador fornecerão uma Editar em um Short opção de corte extra.

E se seus vídeos não estiverem sendo carregados?

Às vezes, mesmo depois de verificar tudo, seu vídeo pode não acabar na plataforma. Você receberá um erro ou o vídeo simplesmente não aparecerá na página principal. É bastante comum, mesmo para criadores de conteúdo experientes, e pode haver vários motivos para isso ocorrer. Aqui estão algumas possíveis causas (e soluções) desse problema.

Problemas de conexão com a Internet

Na maioria das vezes, a conexão com a Internet é a principal culpada por um upload lento. Talvez sua conexão esteja baixa ou o tempo lá fora esteja obstruindo o upload. Seja qual for o caso, você pode verificar sua velocidade de upload usando ferramentas como speedtest.net. Se a conexão estiver estável o suficiente, tudo o que você precisa fazer é esperar um pouco e o vídeo será carregado.

Interferência de VPN

Como estamos falando da velocidade da Internet, alguns softwares podem ocupar a largura de banda e torná-la mais lenta. Um desses softwares é um rede privada virtual ou uma VPN. E embora essas ferramentas sejam definitivamente úteis quando se trata de proteção na Internet, elas também podem atrapalhar seus uploads. Portanto, tente desligar sua VPN ao fazer upload de conteúdo no YouTube.

Atrasos de Wi-Fi

Muitas pessoas usam um roteador wi-fi em suas casas para distribuir a conexão igualmente entre todos os dispositivos em todos os cômodos. No entanto, isso interfere na estabilidade. Se você deseja um fluxo constante de internet com pouca ou nenhuma interrupção, conecte seu dispositivo ao modem diretamente usando um cabo Ethernet.

Diferentes navegadores da Web

Você pode estar usando o Chrome para suas necessidades diárias de navegação na Internet. Como alternativa, você também pode usar o Firefox, Opera, Safari ou até o Microsoft Edge. E como nem todos os navegadores funcionam da mesma forma, é lógico que alguns deles enviarão vídeos mais lentamente do que outros. Dependendo do que você está usando, simplesmente tente mudar para um navegador diferente e repita o upload. De um modo geral, é melhor evitar o Microsoft Edge, pois ele tem um desempenho objetivamente pior do que quase todos os outros navegadores comerciais.

Memória Cache Cheia

Devido à navegação constante, o cache do nosso PC ou dispositivo inteligente provavelmente será preenchido com arquivos temporários inúteis. Se você quiser se livrar de toda essa influência, simplesmente limpe o cache do seu navegador e poderá experimentar uma velocidade de upload mais rápida. Por exemplo, se você estiver usando o Chrome no seu PC, clique no menu de três pontos e, em Mais ferramentas, escolha Limpar dados de navegação. Você terá várias opções, mas geralmente, você vai querer marcar Imagens e arquivos em cache, seguido de um clique Apagar os dados.

Problemas de tamanho de vídeo

Seu vídeo é muito grande ou muito longo? O YouTube geralmente não suporta conteúdo com tamanho superior a 256 GB. Em termos de duração, o limite anterior do YouTube costumava ser de 12 horas, mas isso foi alterado recentemente, então você pode encontrar vídeos que duram bem mais de 24 horas. Portanto, sua única preocupação é o tamanho real do arquivo. Se for muito grande, você pode convertê-lo em um formato de vídeo diferente ou simplesmente cortar um pouco o conteúdo.

Problemas de formato de vídeo

Já abordamos esse tópico no início do artigo, mas vamos nos aprofundar por um segundo. E se o seu arquivo de vídeo estiver no formato compatível, mas não for carregado? Bem, tudo o que você precisa fazer é convertê-lo em um formato de arquivo diferente compatível com o YouTube. Como dissemos anteriormente, a plataforma permite o acesso a vários formatos de arquivo, e você só precisa converter o vídeo até encontrar o que se encaixa.

Reinstalando o aplicativo

Os usuários de telefone podem encontrar falhas no YouTube, especialmente entre as principais atualizações de software. Isso pode resultar na execução do aplicativo em sua versão anterior, que pode ser incompatível com a variante mais recente do sistema operacional. Se isso acontecer, basta reinstalar o YouTube e tentar novamente.

Exclusão de vídeo

Se todos os outros métodos falharem, talvez esse upload específico não esteja sendo feito porque o vídeo em si pode ter alguns problemas, como áudio corrompido, por exemplo. Se for esse o caso, exclua o vídeo completamente da lista de upload. Assim que acabar, você pode tentar recarregá-lo em diferentes condições.

Aumente o seu Instagram
com Buzzoid

Saber mais
Escrito por:
AUTOR E EDITOR-CHEFE
Jessica é uma escritora especializada em mídia social, marketing e estratégia digital. Ela se formou no Antioch College e obteve seu MBA na Carroll Graduate School of Management do Boston College, com especialização em gerenciamento STEM. Seu trabalho foi publicado em vários periódicos acadêmicos e publicações convencionais. Ela mora na Nova Inglaterra com o marido, dois filhos e três cachorros.
Você pode gostar:

Quer aumentar seu Instagram mais rápido?